Resenha: Base Líquida Alva


A Alva é uma empresa alemã e a linha de maquiagens "Coleur" é totalmente vegana e orgânica, aprovada pela PETA. Possui certificação da Ecocert e não contém parabenos nem parafina. É indicado para todos os tipos de pele, inclusive as sensíveis.

Composição: Aqua, Glycerin*, Squalane, Decyl Olive Esters, Cetearyl Alcohol, Cetearyl Olivate, Sorbitan Olivate, Tocopherol, Magnesium Aluminum Silicate, Calendula Officinalis Extract, Chamomilla Recutita (Matricaria) Flower Extract, Glycyrrhiza Glabra (Licorice) Root Extract, Grape (Vitis Vinifera) Leaf Extract, Yeast Polysaccharide, Cetyl Palmitate, Sorbitan Palmitate, Squalene, Macadamia Ternifolia Seed Oil*, Camelina Sativa Seed Oil*, Oenothera Biennis (Evening Primrose) Oil*, Parfum, Benzyl Alcohol, Dehydroacetic Acid, Géraniol, Citronellol, d-Limonene.

A base da Alva pode ser encontrada nas lojas virtuais: Beleza do Campo (R$52,90), Flor de Magnólia (R$77,40), Kerala (R$75,60) e na loja virtual da Alva (R$75,60). Pra quem gosta de se aventurar nas compras internacionais, dá pra comprar pela loja da Alva internacional por $25 dólares e frete justo ($6.82 dólares), com a vantagem de encontrar um monte de outros produtos da marca que não encontramos aqui no Brasil.

Fiquei um pouco decepcionada ao notar que há somente 2 cores de base: 1-Light e 2-Medium. Não tem nada pior que querer comprar uma base e não conseguir achar uma cor similar a nossa cor. Os swatches das cores no site são péssimos, não dá para se ter uma idéia precisa da cor, tem que ser na sorte mesmo. Sem contar que falta lembrar das peles morenas e negras, que foram totalmente ignoradas pela marca. Mas enfim, vamos às minhas considerações.

Comprei na cor 2-Medium porque estamos no verão, né. A Medium ainda ficou um pouco clara pra mim em comparação com o pescoço, mas nada que um bronzer não resolva. Ela tem um subtom rosado, coisa que eu não gosto tanto. Sei que a Light é amarelada, mas vou deixar pra comprar no inverno. Uma medium amarelada e uma light rosada deveria ser incluída no extenso leque de cores.

Se fosse para comparar com as cores de base da MAC, diria que essa é NW25-30.

Swatches com flash e sem flash na luz natural

A textura é líquida/cremosa e de fácil aplicação. Vem uma quantidade de 30 ml. Consigo aplicar no rosto todo com a quantidade do tamanho de uma azeitona. Seca rápido e não fica oleosa na pele, porém o uso do pó é indispensável para peles oleosas.

A cobertura é leve a média. Com uma camada tive a impressão ter cobertura leve. Uniformizou bem a pele, mas não conseguiu cobrir algumas imperfeições. Apliquei com o pincel de base da EcoTools.

Sem base (medonha) e com 1 camada de base. Não reparem na cara de c*!

Com 2 camadas achei que pesou, ficou com uma aparência mais carregada, mais reboco!

Sem base e com 2 camadas de base.


Experimentei também com pó por cima das 2 camadas. O pó usado foi também da Alva. Resenha em breve.

Sem base e com 2 camadas de base mais pó Alva

E por fim, maquiagem completa (corretivo, bronzer, blush, batom, delineador e mascara).

Sem base e com make completa


Conclusão: Pessoalmente, prefiro usar bases minerais em pó do que bases líquidas, mas em viagens e na bolsa, não dá pra carregar maquiagem em pó - desastre! Compraria novamente porque gostei das propriedades e do resultado final: cobriu direitinho, com aspecto natural, cumpre o que promete. Com o pó segura a oleosidade mais ou menos e não tem acabamento opaco, coisa que eu gosto. A duração também é ok, umas boas 6 horas e não oxida. Pra mim que tenho pele oleosa, preciso retocar com o pó durante o dia. Quem tem pele normal e seca vai se dar bem com essa base. 

10 comentários:

  1. Oi Eliana!

    Estava vendo sua lista de sites de compras e vi o da lojas rede. Quando morava em BH fui lá algumas vezes comprar yamasterol, alguns produtos da surya, da farmaervas e da phytoervas. Como te disse, vou para BH esse mês e estava pensando em uma das unidades. Mas faz tempo que não vou e não estou mais familiarizada com os produtos vendidos por lá. Você pode me contar o que há de opções veganas nas lojas rede? Muito obrigada

    ResponderExcluir
  2. Olá, que legal que já morou em BH! Aqui infelizmente não tem tantas opções como em SP.
    Eu costumo ir na Lojas Rede da Av. Cristovão Colombo em frente ao Pátio Savassi. Tem várias lojas rede no centro também. E ainda dá pra comprar pelo site, eles entregam rápido.
    Que eu me lembre, lá vende muitos produtos da Phytoervas, Surya, Farmaervas, éh!, Acquaflora, Vizcaya (a linha Botanique é vegana e a máscara é muito boa), Ecologie, Alfaparf, Bio Extratus, Vita-A, Duda Molinos e Payot (tem que ler o rótulo).
    Tem Yamasterol! Nossa, eu usava isso há muito tempo, salvou meu cabelo de cloro!

    ResponderExcluir
  3. Pois é, morava em BH até o começo do ano passado, Realmente aqui em SP tem mais opções, mas é legal voltar às origens e fazer compras em BH também. Das empresas que você citou, só a bio extratus, a ecologie, a phytoervas e a farmaervas responderam meus emails. Muito bom saber que a máscara da Viscaya é vegana. Quais produtos da alfaparf, da Vita-A e da Duda Molinos são veganos? Estou precisando de um reparador de pontas, mas não tenho encontrado o da Surya, sabe se tem algum vegano nas lojas rede?
    O Yamasterol eu usava quando era criança, quando descobri que era vegano fiquei tão feliz.
    muito obrigada pelas dicas :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sei dessas marcas pelo SAC Vegano, depois dá uma olhada: http://sacvegano.blogspot.com.br/ Quanto aos produtos Alfaparf e Duda Molinos, tem que olhar os ingredientes, mesmo! Eles nunca me responderam sobre os ingredientes, só que não testam...
      Vita-A e Acquaflora parece que são 100% veganas: http://vista-se.com.br/redesocial/acquaflora-cosmeticos/
      Já usei uma máscara da Acquaflora muito boa, só não lembro o nome!
      Lá vende o reparador da Surya e um outro que eu já usei da marca Ideal, chama Velluto de Semi di Lino. O da Surya é menos oleoso. E eu acho que a Ideal só vende em Minas.

      Excluir
  4. Oi!

    Eu fico meio assim com o sac vegano porque a última atualização foi em 2008, na verdade foi por causa disso que eu resolvi fazer minha própria lista de produtos veganos. É,temos mesmo que ler os ingredientes, estou torcendo muito pro Alkimin sancionar a lei da rotulagem vegana aqui em Sp, seria um sonho não ter que ler mil rótulos. Tem dia que eu leio tantos, que quando eu fecho os olhos para dormir fico vendo as letrinhas..haha
    Eu encontro acetona da Ideal aqui,devem estar distribuindo em outros estados também.
    Vou tentar achar o reparador de pontas da Ideal quando for pra BH, meu cabelo é seco, melhor que seja mais oleoso o reparador.
    Tava pensando no seu post dos sorvetes, lembrei que tem uma sorveteria bem pequenininha no bairro floresta, perto da lalka, que faz sorbet artesanal. É super delicioso, só não lembro o nome do lugar :(
    Muito obrigada pelas dicas super preciosas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha ajudado! Estou à disposição.
      Mesmo que tenha sido atualizado em 2008 pela última vez, tem muita informação útil.
      Tem que ter mesmo rotulagem vegana, só assim os SACs vão parar de dar informação errada, só por dar. Sou quase uma farmacêutica de tanto tentar entender sobre os ingredientes! hehehe
      Se a lei for aprovada, é sinal que os veganos estão tendo voz :)
      Esses produtos a gente tem que testar e ver se dá certo com a gente. Pode ser que dê certo pra mim e não dê pra alguém.
      Eu não sou fã de usar muito reparador de ponta, justamente porque meu cabelo é super oleoso na raiz. Mas se o seu não é, pode ser que goste.
      Não conheço a sorveteria, mas vou procurar saber. É na Assis Chateaubriand?

      Excluir
  5. Também estou à disposição. É muito bom poder trocar informações. Não é que eu desconsidere tudo o que há no sac vegano, eu até levo em consideração, porém como a lista está desatualizada, eu mando emails para as empresas e checo os ingredientes. Pois é, seria maravilhoso ter rotulagem vegana.Eu confesso que fiquei até surpresa do projeto de lei ter sido aprovado e encaminhado para o Alckimin sancionar. Os veganos estão tendo mais voz, ainda que seja baixinha. No fim do ano passado um dos temas da parada Veg, que rola todo ano em Sp, teve como um dos temas a rotulagem vegana.
    Eu nunca fui muito adepta do reparador de pontas, mas quando me tornei vegana, precisei trocar o leave-in que era a alma gêmea dos meus cabelos. Eu adoro o yamasterol, mas ele precisa de complementos quando o cabelo é seco.
    A sorveteria é na Contorno, perto da lalka, do lobo mau. Se você quiser, quando eu tiver em BH pego o endereço direitinho e te passo.

    ResponderExcluir
  6. Oi me ajuda, preciso saber de uma base em pó de uma marca cruelty free, acabei de achar seu site, muito legal, mas ainda nao encontrei um post q vc fala sobre isso...obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Natalia, eu já fiz posts sobre bases em pó minerais importadas. Aqui no Brasil é mais difícil encontrar, mas vc pode procurar as da Milani, da Catharine Hill, NYX, elf, Payot, TheBalm.

      Excluir
  7. ola!
    estou iniciando no mundo da maquiagem organica e estou perdida!! rs
    sou do Rj, tenho passeado por alguns sites mas não sei o que comprar, que marca?
    você poderia me ajudar nesse inicio:
    que base, corretivo, BATOM, BLUSH e pó?
    tintura para cobrir fios brancos?
    tenho a pele clara e oleosa
    obrigada!
    bjs jULIANA

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.