sábado, 20 de fevereiro de 2016

Argilas da Terramater


Eu sempre comento sobre o quanto eu amo as máscaras de argila em posts aleatórios mas nunca fiz um post específico sobre argilas. Aproveitando que eu recebi esses sachês de argilas da Terramater da loja Lar Natural, vou comentar sobre cada cor de argila e o que eu achei de cada uma delas, lembrando que a minha pele é oleosa com tendência à acne e eventuais espinhas.

Eu já tenho o costume de usar argila e comecei usando as argilas da Terramater diariamente quando estava com a pele muito ruim e lotada de espinhas no final do ano passado. Com o passar do tempo, fui notando que a minha pele estava mais normalizada e passei a usar 1 vez por semana. Se você se incomoda com a pele oleosa ou com cravos e espinhas, recomendo altamente que experimente aplicar máscara de argila no rosto pelo menos 1 vez por semana. Na minha pele as argilas fazem muita diferença! A frequência de uso da máscara de argila seca as espinhas mais rapidamente e diminui o aparecimento de cravos e espinhas (ela não remove cravos da pele). 

O modo de fazer é simples: misturar 1 colher de sopa de argila em algumas gotas de água até formar uma pasta cremosa nem muito líquida nem muito difícil de espalhar. Se quiser potencializar, ao invés da água, pode usar hidrolatos ou misturar algumas gotas de óleo essencial na misturinha da máscara. Com o rosto limpo, aplique a pasta no rosto todo ou na zona t e aguarde 20 minutos até a máscara secar. Se a pele for sensível, deixe menos tempo na pele. Remova com água, aplique tônico e hidratante facial.

Além de máscaras faciais, é possível usar a argila em maquiagens, cosméticos, receitas caseiras e máscaras no couro cabeludo como anti-resívduos. 

As vantagens das argilas para a pele são: 
- Purifica, vitaliza e estimula a renovação celular da pele.
- Limpa profundamente os poros e refina a estrutura da pele. É uma ótima maneira de se evitar acne, cravos e espinhas.
- Estimula a circulação sanguínea
- Ela pode ser usado em todos os tipos de pele
- Possui propriedades antibacterianas, já que retira a umidade da pele
- Contém minerais que são bons para a pele (absorvem impurezas, toxinas e bactérias) 
- Permite misturar as cores de argila de acordo com o tipo de pele
- As máscaras de argila são naturais, seguras, simples de fazer e tem baixo custo. 

Obs:
- Evite inalar o pó da argila porque pode ser prejudicial ao pulmão a longo prazo. Faça a máscara em locais arejados.
- Evite usar utensílios de metal para evitar possíveis reações químicas.
- Em peles secas, normais e sensíveis as indicadas são: argilas branca, amarela e rosa. Em peles oleosas: argilas verde e vermelha. Peles maduras: argilas roxa e amarela.


Existem vários tipos de argilas. Essas são a "kaolin". Um sachê de 30 g dura aproximadamente 5 aplicações.



  • Argila Roxa - Rejuvenescimento

Ela possui coloração marrom rosada e depois que seca na pele, fica com a cor lavanda. Segundo a descrição da empresa, é rica em magnésio e pode estimular a formação de colágeno na pele.
Senti que ela removeu a oleosidade da pele de forma mais suave e melhorou a circulação na região aplicada. Deu uma sensação de pele mais esticadinha e ficou menos oleosa ao longo do dia. Não gostei do fato de ela ter deixado resíduos nos poros, mas ao aplicar um tônico os pontinhos roxos saem.

  • Argila Verde - Antioleosidade
Eu considero a argila verde uma argila "detox", porque ela é a mais eficaz em remover oleosidade e impurezas. Ela é ideal para usar quando chegar em casa depois de um dia inteiro usando maquiagem, principalmente em dias de calor. Ela dá uma sensação refrescante e de limpeza profunda. A pele fica sequinha por muitas horas. Se não usar hidratante depois, a pele resseca e pode até repuxar, dependendo do tipo de pele. É a minha preferida de todas!

  • Argila Branca - Equilíbrio
A argila branca é a mais suave e a menos adstringente de todas, indicada para peles sensíveis, normais ou secas. Ela é praticamente um calmante da pele por reduzir inflamações e pode ser misturada com a argila verde, caso considere a verde muito potente. Pode ser usada no couro cabeludo para remover resíduos e oleosidade.

Eu já usei a argila branca misturada no hidratante. Ele vira uma espécie de primer facial e deixa a pele mais sequinha e com poros menores. A receita é: 1/2 parte de argila branca para 1 parte de hidratante facial e um pouquinho de gel de aloe vera ou água. Se a sua pele for escura, pode misturar um pouco de base (líquida ou em pó) para evitar ficar com a pele esbranquiçada. E ela também pode ser misturada na base em pó.

  • Argila Vermelha - Anti-idade
É considerada uma argila rica em óxidos de ferro e cobre, por isso a cor avermelhada/alaranjada. Assim como toda argila, ela remove a oleosidade, melhora a circulação sanguínea, deixa a pele vitalizada e com maior elasticidade (estimula a produção de colágeno na pele).
Eu não consegui diferenciar muito ela da roxa e não notei nenhuma diferença quanto às propriedades anti-idade, a não ser a pele mais esticadinha na hora e mais seca. Assim como a roxa, achei que ela deixa um resíduo vermelho nos poros da pele, mas sai com o tônico.


Uma dúvida que eu sempre tive é: existem outras argilas que podem ser compradas a granel por preços mais em conta. Dessa forma, o que faz as argilas da Terramater serem mais caras? Quais são os diferenciais delas em relação às outras? Eu entrei em contato duas vezes com o SAC da Terramater mas não obtive respostas. Eu tenho a argila verde comprada a granel e a impressão que eu tenho é que ela é muito mais adstringente e potente que a da Terramater. Já a branca, não notei nenhuma diferença de desempenho. Pelo que pesquisei, elas diferem mesmo quanto à origem de certificação orgânica das argilas da Terramater e quanto à descontaminação. Algumas são descontaminadas com radiação gama (que pode gerar lixo radioativo) e outras com gás ozônio (que é derivado do oxigênio e extremamente reativo).

2 comentários:

  1. Eu também tenho pele oleosa e com tendência à acne e gosto muito de usar a argila verde na pele do rosto. Sinto que realmente faz uma detox. Eu aprendi uma dica dois-em-um que melhorou o processo. Os óleos essenciais não se dissolvem em água. Então, o ideal é primeiro misturar algumas gotas dos óleos (eu gosto de tea tree e lavanda) em uma colherinha de chá de óleo vegetal (eu geralmente uso óleo de girassol, que uso no cozinha mesmo), e só então misturar a argila e a água morna. Isso faz com que a pele consiga absorver os óleos essenciais corretamente e ainda deixa a máscara um pouco hidratante. Quando retiro, não fica repuxando tanto, a pele fica mais macia. Outra dica da argila é o tempo que a máscara deve ficar na pele. Antes, usava por 15 minutos, mas aprendi com uma aromaterapeuta que trabalha com máscaras de argila que o tempo ideal é entre 45 minutos e 1 hora, para que ela possa realmente remover todas as impurezas da pele. Mas não pode passar de 1 hora, ou ela começa a "devolver" toxinas. É isso! Adorei o post! Adoro o blog! Obrigada pelas dicas!

    ResponderExcluir
  2. Chegou hoje minha argila verde, vou correndo experimentar. Minha pele é oleosa e com tendencia a acne.
    www.verdeveggie.blogspot.com.br

    ResponderExcluir