Mostrando postagens com marcador Kert. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Kert. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Resenha: Keraton Henna da Kert - cor castanho




Recebi esse tonalizante com extrato de henna da Kert e fiquei um pouco receosa de escrever a resenha aqui porque eu não pude tirar uma conclusão definitiva sobre esse produto, mas falarei sobre as minhas experiências. Mais detalhes a seguir.

De acordo com o site da Kert: "é um produto ecologicamente correto, pois não contém nenhum derivado animal, seu conservante é *ECOCERT, sua essência é natural e ainda é aditivado com Cistina Vegetal".

Principais ativos:

- Manteiga de karité
- Glicerídeos da soja
- Óleo de macadâmia
- Óleo de tamanu
- Óleo de kukui
- Polyquartenium-39 (excelente hidratante)
- Cistine (um dos aminoácidos que formam o cabelo)
- Henna
- pigmentos

Composição:


Primeiramente eu gostei muito da postura da Kert em lançar um produto cruelty free e isento de ingredientes de origem animal. Os outros produtos da marca possuem ingredientes de origem animal, como a lanolina, presente no banho de brilho Keraton, por exemplo. Portanto, esse é o único produto vegano da Kert que eu conheço.

Essas são as cores disponíveis e eu escolhi a cor castanho:



Eu já estava querendo voltar à cor natural do meu cabelo desde esse post. Estava achando muito complicado manter um tom castanho no meu cabelo que foi loiro claro durante muitos anos. A cor fica ótima na primeira aplicação mas logo desbota e volta para o loiro palha em pouquíssimas lavagens.

Antes de aplicar no cabelo inteiro, é importante fazer a prova de toque e o teste de mecha, aplicando em uma mecha e esperar o tempo indicado, para depois observar se a cor é a desejada.

Confesso que eu separei apenas uma mecha do cabelo e não levei em consideração que há pelo menos uns 3 tons diferentes, ou seja, não está com uma cor homogênea. Por isso, caso a cor do seu cabelo esteja um caos como o meu, recomendo fazer o teste com várias mechas.

Para fazer o teste de mecha, apliquei um pouco do produto nas pontas e deixei agir por 45 minutos. Lavei em seguida e sequei. Este foi o resultado:


Gostei muito da cor que resultou e não estragou muito. Era bem isso o que eu queria. Mas ao repetir o processo no cabelo inteiro, a cor resultada foi um desastre completo!! Na parte externa do cabelo, que é mais fina e mais clara que o resto, ficou um tom cinza azulado tenebroso:

Resultado com o Keraton Henna cor castanho



Não consegui entender por que no teste de mecha a cor ficou tão bonita e no cabelo inteiro um azul punk! Na caixinha diz não ser indicado usar o tonalizante castanho em tom loiro claro e na parte externa ele estava loiro médio e é mais fino. Ok, confesso que o erro foi meu de não ter tido mais prudência, mas cinza azulado foi demais!


Depois de 5 lavagens o tom azulado não saía do cabelo, apesar de no restante do cabelo ter desbotado parcialmente. Cansada de só sair de casa com coque, aproveitei que tinha em mãos e resolvi passar por cima a tintura de henna da Surya na cor preto, já que eu sei que ela não estraga o cabelo e deixa uma cor bonita. Felizmente o resultado foi ótimo, deixei agir por 2 horas e ao enxaguar e secar, a cor ficou linda, o cabelo sedoso e brilhoso!





Conclusões: Antes de usar, leia todas as informações da caixinha e faça um teste em várias mechas. Além disso, o cabelo não pode estar poroso e danificado. Acredito que pode funcionar em muita gente durante o retoque de tinturas, como banho de brilho, já que o teste de mecha que eu fiz resultou em uma cor linda. Creio que o meu caso foi uma exceção de azar. 

A Laura do blog Laura Vegan comentou que ela adorou esse tonalizante na cor Acaju.